Você conhece a chia?

Originária do México, a chia é uma semente cultivada desde 2600 a.C. Atualmente é considerada um alimento funcional, com propriedades semelhantes às da linhaça, porém por não conter fatores anti-nutricionais, seus nutrientes são melhor aproveitados pelo organismo.

Possui nutrientes interessantes como o ômega 3, uma gordura boa responsável por afastar as doenças cardiovasculares, diminuir o colesterol no sangue, melhorar a sensibilidade à insulina, evitar o aumento da pressão arterial, além de contribuir para o bem estar evitando a depressão e compulsão alimentar. Rica também em fibras, proporciona saciedade e auxilia na regulação do trânsito intestinal, favorecendo a redução de peso.

Ainda possui antioxidantes, moléculas que bloqueiam o efeito prejudicial dos radicais livres, prevenindo desde o envelhecimento precoce até doenças como câncer. Possui também nutrientes como a proteína de boa qualidade, cálcio, ferro, magnésio, potássio, manganês, zinco, cobre, vitamina A e vitaminas do complexo B, contribuindo para o equilíbrio do nosso organismo.

Onde encontrar a chia?

A chia pode ser encontrada (em lojas de produtos naturais e alguns mercados) na forma de óleo, farinha e o próprio grão/semente. O óleo geralmente é utilizado como tempero, e a farinha adicionada em receitas de bolo, torta e sopa.

A porção diária de grãos recomendada é de uma colher de sobremesa, podendo ser misturados em vitamina de frutas, suco, salada de frutas, frutas secas com castanhas picadas, e também nas receitas citadas. Visando a saciedade, aconselha-se o consumo do grão hidratado em água ou chá 30 minutos antes da refeição, podendo dividir a porção em duas refeições, como almoço e jantar.

Você vai gostar de ler também: